Economia

Paraíba gera maior saldo de vagas de trabalho do ano no mês de agosto

Agropecuária e indústria de transformação lideraram o saldo

Paraíba gera maior saldo de vagas de trabalho do ano no mês de agosto

No mês de agosto, a Paraíba voltou a registrar forte desempenho na criação de postos de trabalho. Com base nas informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quarta-feira (25) pela Secretaria de Trabalho da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, o mercado de trabalho paraibano registrou saldo de 6.770 postos, resultado da criação de 16.710 admissões contra 9.940 desligamentos. Além de segundo melhor saldo da Região Nordeste e melhor do ano, a Paraíba ficou em 5º lugar no saldo entre as 27 Unidades Federativas do País, no saldo de emprego. No mês de julho deste ano, a Paraíba havia liderado o saldo da Região Nordeste.

Os setores de agropecuária (3.039) e indústria de transformação (3.029) lideraram o saldo do mês de agosto no Estado, seguido mais atrás pelos setores de serviços (668) e comércio (199). Apenas a construção civil (-210) registrou queda entre as atividades.

Ranking do País – Das 27 Unidades Federativas, a Paraíba (6.770) ficou em 5º lugar, atrás apenas de São Paulo (33.298), Rio de Janeiro (11.810), Pernambuco (10.431) e do Paraná (8.726). Veja a tabela abaixo completa do ranking dos 10 maiores saldos do País.

Todas as cinco regiões apresentaram saldo de emprego positivo em agosto. A região Sudeste (51.382) liderou seguida do Nordeste (34.697) e, mais atrás, de Sul (13.267); Centro-Oeste (11.431, 0,35%) e a Norte (10.610). O País gerou saldo positivo com 121.387 novos postos de trabalho no emprego formal em agosto.

Ranking do Nordeste – Os estados de Pernambuco (10.431) e Paraíba (6.770) lideram a geração de vagas do mês de agosto da Região Nordeste.  Mais atrás vieram os estados do Ceará (4.525), do Rio Grande do Norte (3.739), de Alagoas (3.739) e da Bahia (3.392), enquanto os estados do Maranhão (1.499) e Piauí (1.472). O único Estado que registrou baixa no mercado de trabalho foi Sergipe (-625).

Ranking dos 10 estados que mais geraram emprego no País

 

ESTADOSSALDO DE EMPREGO

São Paulo           33.298

Rio de Janeiro   11.810

Pernambuco   10.431

Paraná            8.726

PARAÍBA            6.770

Santa Catarina    6.529

Pará                    6.111

Minas Gerais    5.895

Ceará            4.525

Goiás            4.054

Fonte: Caged/Secretaria do Trabalho/Ago/2019

Secom

Comentários